O amor não correspondido e suas três pespectivas

 

Sabe aquela sua amiga apaixonada? Sim, aquela que não desiste do carinha perdição, que não se toca de que ele só está usando ela, pois é. Pra você que já cansou de apontar milhões de vezes e até enumerar os mil motivos que ela tem pra não ficar com ele (ou melhor, que ele dá), que já cansou também de cantar a velha ladainha do “ele não te merece” toda vez que ela ta mal. Vou lhe explicar (aquilo que você morre tentando entender e as vezes não consegue) o que passa na cabeça e no coraçãozinho machucado dela.

Bem, na cabecinha tapada dela (não que ela seja burra, mas convenhamos, ela não pensa em praticamente mais nada) ele pode sim mudar, mas não é porque ela é uma adolescente boba que acha que o sapo pode virar príncipe com uns beijinhos, que ela pensa assim, não. O babaca a ilude, diz que a ama, que por ela faz qualquer coisa e na maioria das vezes ainda tem a cara de pau de fazer cena dizendo coisas do tipo ‘você não reconhece as coisas que eu faço por você, fico triste’, sim ele fala e ela coitada fica “batendo cabeça” tentando achar algum ponto em que tenha errado com ele. É, pra você ver o quanto ele é idiota, a faz pensar que há algo de errado com ela e ela quer consertar. O que ela não sabe (ainda) é que não tem absolutamente nada a fazer, porque ela simplesmente não fez nada de errado.

As vezes ela até sabe que não tem nada de errado com ela, mas ela imagina que uma hora ou outra ele se toca da garota especial que ela é. As brigas? Você deve se perguntar por que ela agüenta tanto pití desnecessário dele e pra ser bem sincera, as vezes ela mesma se pergunta isso, maaaas, logo ela imagina que talvez, quem sabe, ele peça desculpas e não faça de novo. É isso e essa história irá se repetir por meses (e mais meses) até ela mesma tomar uma decisão concreta pensando nela e somente nela.

Agora pulando para o outro lado da moeda, o garoto.

Com o garoto, eu descobri que não é nada complicado, é complicado pra gente que não conhece o que há naquela “cabeça de vento”, mas vou te mostrar que o entendimento é bem simples. Existem vários fatores que fazem com que o garoto aja dessa maneira, o primeiro corresponde ao acomodo. O que eu quero dizer com ‘acomodo’? Que ele sabe que já tem você, a acha fácil de ser enganada, não precisa mais nada pra te conquistar, o pecado não é você ser assim, o pecado é você deixar ele saber que é assim. Esse tipo de pensamento o faz pensar que “estar” com você é o melhor pra ele, pois “[…] nos momentos de carnaval ele sai e pega geral, mas na páscoa ele tem você pra fazer companhia.” (JARDIM, Rafael). Tem também aquelas vezes que não tem mais ninguém com quem ele possa se divertir a não ser você, então como ele procura mais você, você acaba por criar a doce ilusão de que é de você que ele gosta.  Ele pode até gostar, mas não tanto assim pra assumir um compromisso com você, ou tem medo, podem me perguntar por quê. Por quê? Porque não somos só nós meninas que sofremos com amores não correspondidos, corações partidos, traições e afins, tu deves saber que isso traumatiza as vezes.

Tem outro fator importantíssimo também que faz com que ele não largue do seu pé por mais que você queria (mas não muito), o sexo. Sim, ele provavelmente gosta de você nesse sentido e nós não podemos descartar a frase batida, porém verdadeira de que “a carne é fraca” (e o coração mais ainda, convenhamos), mas esse último fator se cabe apenas para alguns casos mais avançados não é. Conclui-se que na sua frente vocês estão juntos, mas por trás, não é bem assim que ele pensa. Ele te quer, mas não de verdade. Então não pense que quem saber você consegue o amor dele, que ele irá mudar, que ainda resta algo a fazer, porque não resta e lá no fundo você sabe disso. Vamos lá princesa, cabeça erguida que existe um mundão gigante aí e está abaixo de seus pés.

Por ultimo, vamos dar uma olhada naquela que vê as coisas de fora, a “amiga porto seguro”.

Elas, as amigas de verdade, adoram dar o ombro para você chorar, sem hora marcada, sem ligação antecipada e até sem bater na porta, você entra pede colo e ela dá só pra ver um sorriso seu depois. Ela que incansavelmente te ouve, te aconselha… Pera, eu disse ‘incansável’? Foi. Retiro essa parte do incansável, porque ela cansa sim! Ela pode negar, não demonstrar, mas saiba que no fundo ela cansa. Por exemplo, você sabe que a tem, mal acontece algo e você já sai correndo encharcar o travesseiro dela com suas lágrimas, isso querendo ou não enjoa. Enjoa pelo fato de ela já ter conversado com você sobre esse mesmo assunto, tanto o repertório de conselhos, quanto a paciência dela, já se esgotaram. Ela vai te ouvir, sem dúvidas, disso ela não irá se importar, mas o que ela não quer é que espere um conselho, um argumento complementar dela sobre a situação, só que ela quer fazer isso sem ter que te falar, para não magoar mais você, daí vem a questão da sintonia da amizade, mas isso é assunto pra outro post. Onde eu estou querendo chegar é que eu quero que você entenda numa boa que as vezes você deve poupar sua amiga de ouvir coisas como aquelas brigas bobas que vem as pazes logo depois (porque não há nada mais irritante que o cara a chamar de chata, ela lamentar pra você e depois de uns 12 minutos de discussão por sms estar cheio de amorzinho aqui e ali), afinal uma hora ela vai se irritar por você, vai discutir com o cara e isso pode acarretar em problemas que você nem imagina. Então não digo a você que pare de contar as coisas pra ela, continue sempre contando, afinal contar é uma lei entre as melhores amigas, ta aí a Taiany que não me deixa mentir. Apenas seja mais sutil.       

Você talvez deve estar se perguntando quem sou eu pra falar tudo isso. Primeiramente sou a dona desse blog, hahahaha. Mas falando sério, sou uma pessoa que já esteve na pele tanto da amiga, quanto da “garota besta iludida”, por isso entendo facilmente os dois lados da coisa. E o terceiro, sobre o cara, meu amigo Rafael Jardim (20 anos, acadêmico de medicina, lindo e SOLTEIRO, eu disse SOLTEIRO) me ajudou. (Obrigada Rafa s2).

 Então, se o seu romance, ou da sua amiga, vizinha, cunhada não deram certo, mostra isso pra elas. Eu escrevi o texto na segunda pessoa, mas ela serve para a terceira também.

 Um beijo !

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s